Padres da Diocese de Frederico presentes no 38º ENCONTRO REGIONAL DE PRESBÍTEROS – SUL 3

Representando a Diocese de Frederico Westphalen estiveram presentes: Padre Gerônimo Girardi, Pe. Gilberto Giacomoni, Cônego Leandro Piffer, Padre Alencar caratti, Padre Luiz Afonso dos Santos e Padre Herold Xavier.

CARTA DO 38º ENCONTRO REGIONAL DE PRESBÍTEROS – SUL 3

Queridos irmãos em Cristo! 

Nós, oitenta e oito presbíteros diocesanos e religiosos, representantes das 18 dioceses do Rio Grande do Sul, estivemos reunidos durante os dias 04 a 06 de novembro de 2019, no Centro de Espiritualidade Cristo Rei – CECREI, São Leopoldo, em nosso 38º Encontro Regional.  Contamos com a presença de Dom Paulo de Conto, bispo referencial regional da Pastoral Presbiteral e a visita do Bispo de Montenegro, Dom Carlos Rômulo. 

 O encontro contou com a assessoria do padre Iuri Ribeiro dos Santos, da Diocese de Estância – Sergipe. Ele abordou o tema "Presbíteros: comunhão e missão" e o lema “Vós sois todos irmãos” (Mt 23,8), o qual prepara para o 18º Encontro Nacional de Presbíteros em 2020. 

 Na segunda-feira, dia 04 iniciamos com a oração da Hora Média e logo após a assessoria iniciou falando dos desafios do mundo contemporâneo. Vivemos uma mudança de época que exige conversão pastoral. O mundo urbano tornou-se assim uma mentalidade da qual ninguém está isento. O presbítero é chamado a viver a comunhão na missão. Encerramos a jornada com a missa presidida por Dom Paulo.

 Na terça-feira, dia 05 iniciamos com a celebração eucarística. O assessor deu continuidade ao tema falando sobre o rosto dos presbíteros no Brasil, destacando: padres pós-conciliares; presbíteros compromissados com o social e os que vivem a pressão do consumo. Num mundo cujo ícone é cada vez mais o muro, o testemunho da comunhão em meio às diferenças possui força profética, interpeladora. Também abordou as três angústias do nosso tempo, a saber: aumento da pobreza, aumento da violência e a indiferença. 

Vivemos numa época em que as mediações estão em crise. Neste contexto, a missão do presbítero emerge como mediação para o diálogo, o encontro, o convívio, a justiça e a paz. O presbítero haverá de desenvolver em si a condição de ser pontífice, isto é, construtor de pontes, sendo ele mesmo a primeira dessas pontes. O presbítero, desse modo, exerce sua missão sendo firme instrumento da comunhão. A partir desse testemunho de comunhão, a MISSÃO se concretiza na caridade pastoral. Encerramos o dia com uma confraternização. 

Iniciamos o terceiro dia com um momento de espiritualidade. Logo após, realizamos os encaminhamentos do 18º ENP e avaliação. Em seguida, foi elaborada e aprovada a Carta do 38º ERP. Concluímos com a Celebração Eucarística, presidida por Dom Carlos Rômulo. 

O Encontro foi marcado pelo estudo, convivência fraterna e partilha de experiências. Manifestamos nossa profunda comunhão com todos os irmãos presbíteros do nosso Regional Sul 3, especialmente os que passam por provações. Desejamos que o Espírito Santo, sob o amparo de Nossa Senhora Medianeira, nos conduza e sustente na missão de cuidar do rebanho a nós confiado.    

 

São Leopoldo, 06 de novembro de 2019.

Encontro Regional de Presbíteros 



Cadastre-se e receba as Principais Notícias da Diocese no seu Email